Image Alt

Prolapso Uterino e de órgãos pélvicos

O prolapso uterino e de órgão pélvicos podem acontecer em mulheres de qualquer idade, mas é mais frequente após a menopausa e naquelas mulheres que passaram por um ou mais partos vaginais.

O prolapso uterino e de órgão pélvicos acontece quando os músculos e ligamentos do assoalho pélvico se tornam distendidos e flácidos, saindo de suas posições normais da pelve e descendo para a vagina ou região externa. Essa flacidez acaba fazendo com que o suporte ao útero não seja adequado e pode restringir as atividades do dia-a- dia, das mulheres. Além disso, dependendo do grau e região do prolapso (útero, bexiga, intestino), pode causar dor pélvica crônica, dificuldade no esvaziamento da bexiga, dificuldade na evacuação e dor na relação sexual.

Este procedimento ainda é realizado naquelas mulheres que apresentam alguma anormalidade da estática pélvica, como cistocele (bexiga caída), uterocele (útero “baixo” ou “caído”) ou retocele (“intestino para fora, pela vagina”) e ainda em pacientes que apresentam afundamento de cicatriz de episiotomia (incisão que é feita na vagina pelo obstetra na hora do parto).

O procedimento é realizado em ambiente hospitalar, com anestesia local e sedação. A cirurgia demora em média 60 minutos e a alta hospitalar geralmente ocorre em 24-48h. Não há necessidade de se retirar pontos e em alguns casos pode-se utilizar telas para dar melhor sustentação à bexiga e intestino, bem como se fazer outra cirurgia concomitante (“Cirurgia de Sling”) quando há Incontinência Urinária.

Sobre a clínica

Referência no sul de Santa Catarina, a Clínica Sara Ribeiro é especializada na assistência da saúde da mulher, bem como em distúrbios endocrinológicos.

(48) 3437 5543

Marque sua consulta!

Entre em contato para maiores informações e consultas.